Início / Notícias / "Como o CECOA mudou a minha vida" - O testemunho de Alexandra Carvalho

"Como o CECOA mudou a minha vida" - O testemunho de Alexandra Carvalho

 

Estou aqui para vos contar um pouco da minha história e a importância que o CECOA teve não só na minha carreira profissional mas também a nível de crescimento enquanto ser humano.

 

Após trabalhar 20 anos quer na minha área como noutras oportunidades que foram aparecendo, vi-me no desemprego com a belíssima idade de 41 anos. E acreditem, sou daquelas pessoas que procura, vai à luta e gosta de estar ocupada. Mas estava difícil… Era velha de mais para certos empregos (quantos anúncios vemos que exigem candidatos até 30 anos?), ou tinha qualificações a mais (o meu CV diz Licenciada em Línguas) ou a menos (não sabia nada de certas áreas, como a Contabilidade, Apoio à Gestão ou Administração). Foi então que numa reunião obrigatória convocada pelo Centro de Emprego sugeriram a todos os desempregados que não estavam a conseguir reingressar à vida ativa, que tentassem uma reconversão profissional e apostassem num curso financiado. Após uma breve entrevista pessoal com a orientadora, e visto já ter algumas qualificações, fiquei com o bichinho de estudar Contabilidade. A questão era: onde? E assim descobri o CECOA…

 

Desde o primeiro momento em que lá entrei, fui recebida maravilhosamente, quer pelas administrativas como pelo Dr. Adriano, que me entrevistou e selecionou para a formação de Técnico de Contabilidade que estava prestes a iniciar. E assim começou esta etapa, com mais 2 dezenas de formandos e muitas expectativas! Nem tudo foi fácil: em grupos há sempre necessidade de alguma adaptação às diferentes personalidades e ritmos, mas o resultado final foi brilhante! É verdade que nem todos chegaram ao fim, alguns porque surgiu uma oportunidade de trabalho, outros porque simplesmente desistiram… mas para aqueles que persistiram, penso que levam no coração todas as atividades, formadores, colegas e o próprio espaço, que durante um ano foi a nossa casa.

 

 

Os formadores foram excecionais, muito competentes e sobretudo muito humanos. Tenho de destacar a Drª Ana Bernardes, que além de possuir uma doçura extrema, nos ensinou e preparou para as tarefas contabilísticas, mesmo quando reclamávamos ou colocávamos dúvidas ao seu método. Ao Dr. Manuel Moutinho, que além de ser muito calmo, proporcionou-nos sempre diversos exercícios práticos e manuais didácticos, fez connosco um almoço de Natal e viu um filme antes das férias sugerido por nós. A mediadora, Drª Ana Correia, que sendo da área de Psicologia (e embora lamente que o tempo com ela soube a pouco), ao fim de 5 minutos nos conhecia interiormente, mesmo quando involuntariamente mostrávamos o contrário daquilo que realmente somos, e nos desarmava com a palavra certa e o seu tom apaziguador. E claro, o Dr. Adriano, que sempre nos acompanhou, apoiou, ouviu as nossas queixas e, pela sua grande experiência, nos garantia que tudo iria correr bem e que estaríamos preparados.

 

A semana do CECOA em Movimento, que tanto contestámos ao princípio, foi uma semana de atividades nas instalações e no exterior, que nos uniu, fez crescer, ensaiar danças, uma peça de teatro, realizar uma visita a recantos escondidos da nossa cidade que nem sabíamos que existiam, e por fim um almoço convívio, no nosso terraço, que foi enfeitado por uma outra turma e parecia uma ilha polinésia exótica…

 

De facto, aprendemos muito, trabalhamos muito, mas resistimos, vivemos momentos muito bonitos e inesquecíveis, passámos a fase de confinamento do Covid quando estávamos prontos para realizar o Estágio curricular. Foi difícil… Mas após a volta a alguma normalidade, lá regressamos com as devidas precauções, e cada um foi para a sua empresa ou Gabinete pôr em prática o que aprendemos. No meu caso, correu muito bem: estagiei num Gabinete no Centro do Porto e tive oportunidade de realizar oficialmente muitas das tarefas que aprendi durante o curso. Cada vez mais sentia que a Contabilidade era uma atividade interessante e na qual me encaixava. Infelizmente, devido às dificuldades económicas criadas pela pandemia, apesar do meu esforço e da satisfação da Orientadora com o meu trabalho, não foi possível ficar no Gabinete. Bem, eu queria arranjar trabalho, é certo, desesperadamente, mas o facto de ter encontrado aos 40 anos uma área onde nem sentia as horas passarem e que me dava prazer, já animou o meu espírito.

 

E para terminar a minha história… uma das minhas colegas que estagiou numa empresa de produção, por motivos pessoais não quis ficar. E o destino, Deus e também o Dr. Adriano, lembraram-se de mim. Fui entrevistada pela Sócia-gerente, também Contabilista Certificada, e comecei o meu Estágio Profissional de 9 meses uns dias depois, com todas as perspectivas de no final, e continuando a correr bem como até aqui, poder ficar na empresa.

 

Neste momento, após 2 meses de atividade como administrativa e técnica de contabilidade, posso dizer que adoro o que faço e todos os dias aprendo com a Drª, colegas e gerência. Tenho o meu próprio escritório, um horário de segunda a sexta, disponibilidade de todos e muito empenho da minha parte, no sentido de retribuir a oportunidade que me foi dada e terem apostado em mim. Acreditem, nunca é tarde para recomeçar, mudar, e de facto, o CECOA mudou a minha vida para melhor, quando mais precisei! O meu eterno reconhecimento e felicidades para todos os que lá trabalham e todos aqueles que por lá ainda irão passar. Não desistam! Vale a pena.

 

- Alexandra Carvalho





Contacte-nos

Lisboa

213 112 400

Porto

223 392 680

Coimbra

239 851 360